Please wait.
  • Treinador de Basquetebol do Sporting: "Queremos chegar ao nível que outras modalidades do clube já atingiram"

    Desporto


    O treinador de basquetebol do Sporting, Luís Magalhães, disse hoje que o regresso da modalidade ao clube lisboeta, após 24 anos, é ?um desafio? e ?uma dificuldade diferente?, mas acredita poder lutar desde já pelo título.

    ?Nunca tinha formado uma equipa do zero. Queremos chegar ao nível que outras modalidades do clube já atingiram. Há quatro candidatos ao título, mas não partimos atrás de ninguém. Vamos lutar e se, no fim, não conseguirmos, foi porque não tivemos capacidade para isso?, afirmou.

    Em declarações antes de um treino aberto à imprensa, Luís Magalhães criticou a falta de qualidade do basquetebol português, mas confessou ser um dos desafios mais aliciantes que já teve na carreira.

    ?Faço uma avaliação muito fraca do basquetebol português. Não estou a dizer nenhuma barbaridade, é constatar a realidade. Nos últimos dois anos, houve algumas melhorias e espero que o Sporting dê uma grande ajuda. É um dos desafios mais aliciantes e o que me dará mais gozo conseguir ultrapassar?, sublinhou.

    O técnico, de 61 anos, falou também nas dificuldades que o clube teve de ultrapassar para construir uma equipa de raiz e elogiou a direção ?leonina?, tendo também esperança no potencial de alguns jogadores.

    ?A direção do Sporting esteve muito bem, fez o que foi possível fazer para trazer alguns jogadores. Não tem sido fácil adaptarmo-nos ao clube e a uma equipa nova, mas temos de fazer das dificuldades, forças. Pretendo ganhar muito e potenciar ao máximo os nossos jogadores. Alguns deles podem vir a ser uma grande surpresa?, realçou.

    O basquetebolista Cláudio Fonseca, ex-Benfica, partilhou das palavras do treinador, afirmando que a equipa tem qualidade para lutar pelo título, e afirmou que um dos seus objetivos é ajudar os jogadores mais novos, na qualidade de atleta mais veterano.

    ?O grupo é fantástico e é um grande clube, claro que os nossos objetivos são altos. Temos o que é preciso para lutar pelo título e vamos dar tudo o que temos. Sou um dos veteranos da equipa, o meu objetivo pessoal passa por ajudar na equipa no que for preciso, sobretudo os mais novos e os americanos?, disse.

    James Ellisor, bicampeão nacional pela Oliveirense, considera que a equipa ainda se encontra ?à procura de identidade? e que os jogadores ainda se estão a conhecer, mas acredita que podem fazer um bom campeonato.

    ?É um grande clube e, apesar de ser o primeiro ano, há muita pressão, pois espera-se que façamos grandes coisas. Neste momento, temos de nos conhecer uns aos outros. Somos uma equipa nova, mas gosto da nossa energia e entusiasmo. Creio que podemos competir com as melhores equipas?, expressou.

    Já Diogo Araújo, atleta oriundo do FC Porto, afirmou que tem sido ?muito fácil? trabalhar com os colegas e mostrou disponibilidade para ajudar a equipa em qualquer posição.

    ?Somos todos jovens e é muito fácil habituarmo-nos uns aos outros. Estamos todos juntos a trabalhar para o que queremos alcançar. Posso ser um bom defensor e um bom atacante, o que o treinador me pedir para fazer, eu vou dar o meu melhor. Espero que seja uma boa época?, disse.

    O Sporting, que apresenta no palmarés oito campeonatos nacionais de basquetebol conquistados, regressa ao campeonato nacional de basquetebol esta temporada, no qual já não competia desde 1995.

    Source: SAPO Desporto

    Read all new »

    »back Read all new »